Molho de Tomate para Pizzas
  • 3 colheres de sopa de óleo de soja
  • 1 colher (sopa) cheia de manteiga
  • 2 dentes de alho picados
  • ½ cebola picada
  • sal à gosto e pimenta do reino
  • 7 ou mais tomates inteiros, cortados em 4 e bem maduros
  • 1 caixinha de molho de tomate tradicional
  • 1 colher de sopa de massa de tomate pequena
  • 1 colher de sobremesa rasa de sal
  • 1 colherinha de pimenta do reino
  • 1 colher sopa de orégano
  • algumas folhinhas de manjericão frescas ou desidratadas.
  • 3 ou 4 colheres de sopas cheias de farinha de trigo
  • 1 colher de azeite de boa qualidade
Print Friendly and PDF

Receita Molho de Tomate para Pizzas, confira agora mesmo esta deliciosa receita de molho caseiro, ótima dica para pizzas e até mesmo para outros tipos de pratos, como por exemplo, massas ou carnes! Esta delícia é super fácil de preparar e é perfeito para quem quer provar algo delicioso, com certeza todos irão adorar, ótima opção sem erro! Esta receita de Molho de Tomate para Pizzas a Ana Maria vai te ensinar agora o passo a passo do modo de preparo e faça hoje mesmo essa receita maravilhosa na sua casa também, sem dúvida alguma ficará divina…

MODO DE PREPARO DA RECEITA DE MOLHO DE TOMATE PARA PIZZAS

  1. Em uma panela, refogue os ingredientes acima até ficarem dourados ou transparentes e reserve.
  2. Em uma panela grande, coloque os tomates  complete com água até cobrir um dedo na horizontal sobre eles. Ponha-os para cozinhar até ferver.  Ao ferver, deixe em fogo baixo por uns 5 minutos e apague o fogo. Deixe esfriar naturalmente na panela até que possa passar tudo no liquidificador. Reserve a maior parte possível da água do cozimento dos tomates, retirando da panela apenas os tomates já bem cozidos com um pouco da água ficando a maior parte da água na panela.
  3. Quando levar o líquido e os tomates ao liquidificador tenha a certeza que eles estejam  totalmente frios, se não estiverem, agregue um pouco de água fria. Em seguida, junte à mistura o molho de tomates da caixinha, o sal, a  pimenta do reino, o orégano e as folhinhas de manjericão. Quando começar a liquidificar esta mistura, retire a tampa do liquidificador com cuidado e acrescente a fritura da panela pequena ao liquidificador juntamente com a farinha de trigo, colocada aos poucos.
  4. Misture os tomates liquidificados á panela com a água que estava sobrando e coloque outra vez para cozinhar até agarrar fervor mexendo constantemente. Logo que apresentar bolhas de fervura, o caldo estará mais espesso, então, apague o fogo e deixe esfriar. Só depois que o molho estiver quase frio, coloque então orégano a gosto, os ramos de manjericão macerados e outro tempero da sua preferência.
  5. O molho está pronto para uma boa pizza. A consistência deste molho é denso, cremoso, espesso e bem vermelho. Se não alcançar esta consistência, agregue mais uma caixinha de molho ou pelo menos a metade da caixinha.
  6. A durabilidade deste molho na geladeira é de até 15 dias fresco e se pode congelar no caso de fazer uma maior quantidade. Ao descongelar, volte a bater no liquidificador para voltar à cremosidade habitual.

Sempre novas receitas deliciosas de doces, salgados, petiscos e pratos para servir em seus almoços ou jantares, você encontra tudo aqui com a Ana Maria. Não deixe de conferir nossas novidades em receitas para todos os gostos!

loading…